• MAIS LIDAS
  • QUIZ
  • VÍDEOS
  • ANUNCIE


O que seria esse gel misterioso encontrado na Lua?

POR Jesus Galvão    EM Ciência e Tecnologia      01/11/19 às 13h03

A Lua é o único satélite natural da Terra e o quinto maior de todo o Sistema Solar. Ela é o maior satélite natural de um planeta no sistema solar. O tamanho do seu corpo representa 27% do diâmetro e 60% da densidade da Terra. Desde os primórdios da humanidade, a Lua intriga as pessoas. Poetas, estudiosos, religiosos e amantes olharam para o astro com admiração e curiosidade. Muitas vezes, sonhando em, um dia, poderem chegar até ela.

Em 20 de julho de 1969, Neil Armstrong e Buzz Aldrin acabaram realizando esse grandioso sonho. Eles foram os primeiros homens a pisarem na superfície lunar. Desde então, diversas outras missões espaciais tiveram o satélite natural como destino. Há algum tempo, a NASA anunciou os planos de uma nova expedição tripulada para 2022 e que marcará a chegada da primeira mulher ao satélite.

O anúncio foi feito para celebrar os cinquenta anos da missão Apollo 11, que levou Armstrong, Aldrin e Michael Collins à Lua. Posteriormente, o projeto, que recebeu o nome de Gateway, passou a fazer parte da missão lançada pela Agência Espacial Americana, para "colonizar" a Lua. No entanto, a NASA e os Estados Unidos não são os únicos interessados, na exploração de nosso satélite natural.

Em janeiro deste ano, a sonda chinesa Yutu 2 pousou, no que é popularmente conhecido como lado oculto da Lua. Por lá, o veículo espacial chinês encontrou algo muito curioso: uma substância com consistência de gel. A sonda capturou algumas imagens do misterioso material. Em suma, registros que estão sendo divulgados por pesquisadores, na intenção de tentar descobrir do que se trata.

Substância misteriosa

Em 8 de outubro, uma foto foi compartilhada na rede social chinesa, Weibo, pela Our Space, um periódico científico. Na imagem, é possível identificarmos uma cratera onde a substância se encontra localizada no seu centro, dificultando o acesso da sonda. A equipe por trás da sonda escreveu no diário da missão, que a "forma e cor do material é significativamente diferente do solo lunar circundante".

De acordo com Clive Neal, da Universidade de Notre Dame, nos Estados Unidos, em entrevista ao Space.com, a foto compartilhada sustenta uma teoria de que a misteriosa substância seja, na verdade, um tipo de vidro. Sendo que este teria sido derretido, depois que meteoritos atingiram a Lua.

Impactos de meteoro de alta velocidade podem pressurizar minerais em vidro brilhante. O que acaba por refratar a luz de diversas formas. "Acho que a informação mais confiável aqui é que o material é relativamente escuro", disse Dan Moriarty, pesquisador do Programa de Pós-Doutorado da NASA, no Goddard Space Flight Center. "Parece haver um material brilhoso embutido nas regiões mais escuras, mesmo que haja uma chance de que seja luz brilhando em uma superfície lisa".

É muito provável que os pesquisadores chineses divulguem novas imagens e leituras espectrométricas da substância, em breve. No entanto, é necessário que aguardemos a sonda acordar de seu sono lunar de duas semanas. Voltando, assim, a explorar a superfície da Lua.

Então pessoal, o que acharam da matéria? Deixem nos comentários a sua opinião. Posteriormente, não esqueçam de compartilhar com os amigos.

Próxima Matéria
Via   Science Alert  
Imagens CNSA / CLEP
Jesus Galvão
Goiano, Canceriano e Publicitário.
Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, Clique aqui.


Matérias selecionadas especialmente para você

Curta Fatos Desconhecidos no Facebook
Confira nosso canal no Youtube
Siga-nos no
Instagram
Siga Fatos Desconhecidos no Google+