• MAIS LIDAS
  • QUIZ
  • VÍDEOS
  • ANUNCIE


O Tinder vai mudar completamente e o usuário precisa entender

POR Cristyele Oliveira    EM Curiosidades      28/01/20 às 17h34

Hoje em dia. existe uma enorme variedade de sites e aplicativos de relacionamento mas, entre todos eles, o mais popular é o Tinder. Você pode até nunca ter usado o aplicativo, mas, com certeza, conhece alguém que já usou e sabe mais ou menos como funciona. É na verdade muito simples, você encontra pessoas próximas, e se o interesse for recíproco, rola um match. Mas nem tudo são flores. Existem muitas pessoas com más intenções, usando o aplicativo. Seja se passando por outras pessoas, ou atraindo pessoas para encontros perigosos.

E é nessa tentativa de tornar o aplicativo mais seguro para todos os usuários, que o Tinder anunciou novos recursos. A ideia é proteger melhor os usuários dentro e fora do aplicativo. Uma dessas mudanças inclui até uma espécie de "botão de pânico", que pode ser usado em encontros no mundo real. As mudanças não irão afetar a interação entre os usuários, apenas a tornará mais segura.

A mudanças

Além do tal botão de pânico, o aplicativo também está testando um novo recurso de verificação de foto. Esse que é um dos maiores problemas atuais do Tinder, pessoas usando imagens de terceiros. A ideia é justamente evitar que esse tipo de coisa aconteça. E assim, garantindo que os perfis sejam de fato de quem eles dizem ser. Para isso, a plataforma utilizará a IA com assistência de humanos. Assim, os perfis verificados receberão selos azuis, para indicar que são legítimos.

Uma outra função, que está em fase de testes, é uma ferramenta para detectar linguagem ofensiva nas mensagens dentro do aplicativo. Os usuários, que terão acesso ao recurso, verão a mensagem "Isso incomoda você?". Se eles responderem "sim", poderão denunciar outro usuário.

Sobre o botão de pânico, o aplicativo disse que estará disponível em breve, nos Estados Unidos. Ele conectará os usuários aos serviços de emergência, e caso se sintam inseguros durante um encontro fora do aplicativo poderão pedir socorro. Não foi informado, se esse recurso ficará disponível no Brasil e quando.

Com esse recurso, os usuários poderão compartilhar os detalhes de seu encontro, como o local e horário antes de ir para o compromisso. Segundo o Wall Street Journal, que noticiou o recurso primeiro, os usuários devem digitar um código, e depois, acionarem o alarme no aplicativo. Se eles não conseguirem, eles receberão uma mensagem de texto. Caso não respondam a mensagem ou telefonema subsequente, o serviço de emergência ira até o local do encontro.

Informações dos usuários

No entanto, para usar o recurso, os usuários terão suas informações rastreadas pelo aplicativo enquanto estiverem usando a ferramenta. Questionado a respeito do compartilhamento de informações, um porta-voz do Tinder disse que "o aplicativo não pede que eles compartilhem sua localização com o Tinder o tempo todo. Isso está no aplicativo Noonlight, que precisa da localização em segundo plano ativado para garantir que as autoridades possam ser enviadas para o local apropriado". Ele disse ainda que os usuários podem ativar ou desativar o recurso quando quiserem.

"Uma experiência de encontros segura e positiva é crucial para os nossos negócios", disse Mandy Ginsberg, CEO da Match Group. Essa que é a empresa controladora do Tinder. "Encontramos no Noonlight a tecnologia de ponta que pode fornecer serviços de emergência em tempo real, que não existe em nenhum outro produto voltado a relacionamentos. Para que assim, possamos empoderar os solteiros com ferramentas para mantê-los mais seguros e dar-lhes mais confiança. A integração desse tipo de tecnologia, além dos outros padrões de segurança que o Match Group está implementando em nossas marcas, é uma etapa necessária na inovação de encontros".

Enfim, todos esses recursos aparentemente têm potencial de ajudar o aplicativo ser um pouco mais seguro. No entanto, os usuários terão que compartilhar ainda mais informações com as empresas.

E você, o que achou dessas mudanças? Conta para a gente nos comentários e compartilhe com os seus amigos que usam o Tinder.

Próxima Matéria
Cristyele Oliveira
EQUIPE FATOS DESCONHECIDOS, BRASIL
Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, Clique aqui.


Matérias selecionadas especialmente para você

Curta Fatos Desconhecidos no Facebook
Confira nosso canal no Youtube
Siga-nos no
Instagram
Siga Fatos Desconhecidos no Google+