• MAIS LIDAS
  • QUIZ
  • VÍDEOS
  • ANUNCIE


Pessoas que nasceram depois desse ano tem o QI mais baixo que seus pais

POR Mateus Graff    EM Ciência e Tecnologia      19/06/18 às 18h39

fizemos uma matéria mostrando que as pessoas nascidas no mês de novembro são mais inteligentes segundo um estudo. Pois bem, caros leitores, mas hoje resolvemos trazer outro estudo para vocês, só que dessa vez falando das pessoas que nasceram em um passado não tão distante assim e que tem o QI baixo. Bom, estamos falando de um estudo realizado no Centro de Pesquisa Econômica Ragnar Frisch (Noruega).

Para eles, o QI de muitas pessoas estão caindo desde as últimas décadas. O artigo científico dizem que existem algumas explicações para essa observação. Já houve outros estudos que provaram a mesma coisa, dizendo que as pessoas, de forma geral, ficaram mais inteligentes na primeira metade do século XX, de acordo com o Quociente de Inteligência. A gente conta mais desse caso para vocês.

As pessoas que nasceram depois de 1975

Muitos tentaram explicar por que houve esse aumento de inteligência no século passado. Algumas das explicações são a nutrição, saúde, educação e outros fatores. Mas de acordo com o estudo feito na Noruega, essa tendência se inverteu e hoje as pessoas estão ficando, digamos assim, mais burras.

Foram estudados cerca de 730 mil testes e depois de analisá-los pode-ser concluir que a cada década os resultados vieram três pontos mais altos, mas só até os nascidos em 1975. Depois disso houve uma queda de rendimento constante.

Ao analisar resultados de irmãos, por exemplo, foi detectada diferenças de inteligência entre membros do mesmo grupo familiar. Isso sugere que os genes não influenciam nas quedas de QI. Rogeburg, um dos realizadores do estudo, diz que "não é que pessoas burras estão produzindo mais descendentes do que as pessoas inteligentes. É algo relacionado ao ambiente, porque estamos vendo as mesmas diferenças dentro das famílias."

Pelo fato dos pesquisadores terem também em mãos os testes de QI dos pais dessas pessoas, eles perceberam que os pais com QI alto tendem a ter mais filhos do que as pessoas com QI baixo. Isso pode ter acontecido por causa do estilo de vida, assim como as mudanças na educação e comportamentos das crianças.

Esses resultados não foram obtidos apenas na Noruega. Estudos semelhantes em países como Dinamarca, França e Países Baixos tiveram o mesmo resultado.

Robin Morris, professor de psicologia da Kings College, que não está envolvido no estudo, diz que o formato do teste de QI já não é condizente com a realidade acelerada dos jovens de hoje, e que não é a melhor forma de avaliar inteligência.

Você acredita que os jovens de hoje realmente são menos inteligentes que os jovens do passado? Comente!

Próxima Matéria
Mateus Graff
https://www.instagram.com/mateusgraff/ https://www.facebook.com/mateus.adjutomartinsgraff
Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, Clique aqui.


Matérias selecionadas especialmente para você

Curta Fatos Desconhecidos no Facebook
Confira nosso canal no Youtube
Siga-nos no
Instagram
Siga Fatos Desconhecidos no Google+