icone menu logo logo-fatos-curiosos.png


Por que o Ash não cresce? Essa teoria vai te deixar assustado

POR PH Mota EM Curiosidades 19/07/16 às 14h47

capa do post Por que o Ash não cresce? Essa teoria vai te deixar assustado

Desde que o anime de Pokémon entrou no ar, em 1997, o protagonista é o garoto Ash. Ao longo dos anos, ele trocou de monstrinhos, de amigos, de continentes e de trajes algumas vezes, mas a aparência de uma criança de 10 anos de idade permanece, mesmo após tanto tempo viajando.

Por causa disso, muita especulação existe em torno da idade de Ash. No próprio mundo de Pokémon, existe a informação que afirma que as crianças só podem começar a sua jornada e pegar o seu primeiro monstrinho a partir dos 10 anos. Por causa disso, podemos afirmar a idade do jovem treinador no primeiro episódio da série. Mas como é possível que depois de mais de dez anos ele ainda pareça ter praticamente a mesma idade?

Para entender isso, fãs de série desenvolvem algumas teorias já há um tempo. A principal telas é bem assustadora e pode revelar uma realidade bem diferente da feliz e empolgante que o desenho representa.

Coma de Ash

Logo na primeira aventura com seu primeiro Pokémon, um temperamental Pikachu, Ash sofre um ataque elétrico forte e inesperado. Nossa teoria começa nesse exato momento. A Teoria do Coma de Ash sugere que o treinador teria sido eletrocutado de forma tão intensa que sofreu com isso entrando em coma.

Por estar vivendo num mundo dos sonhos enquanto está hospitalizado, Ash nunca envelhece, já que, em sua mente, ficou eternizado como aquele garoto que está começando a sua jornada. Além de explicar a mesma aparência após tanto tempo, a teoria também pode responder outros mistérios do universo Pokémon do anime, como a existência de uma mesma enfermeira em todas as cidades que Ash visita. A enfermeira Joy dos sonhos de Ash seria apenas uma reprodução da profissional que ele entra em contato.

Outros pontos da trama podem dar força para essa teoria, como o fato de Ash sempre viajar a pé, apesar da distâncias que precisa percorrer. Isso porque, como o acidente aconteceu com uma bicicleta, ele criou uma trauma com o meio de transporte.

Personagens que cruzam o caminho do treinador ao longo de sua jornada seriam representações de seus desejos e pensamentos íntimos. Brock e sua relação com as mulheres é o desejo sexual de Ash reprimido, já que ele se acidentou ainda criança e não conhece o universo dos relacionamentos. Misty e as outras garotas que cruzam o caminho de Ash representariam os ideais femininos no subconsciente do treinador, em contraste com as mulheres que rejeitam Brock. Além disso, a teoria sugere que a força extrema de Pikachu e o frequente fracasso da Equipe Rocket se mantém apenas porque são bandidos da imaginação do garoto.

Nesse cenário, se Ash acordasse do coma, teria que lidar com a realidade e o trauma de nunca ter vivido tantas aventuras, o que justifica ele ser mantido no coma induzido. Dessa forma, um dano cerebral maior seria evitado.

Contraponto

Uma teoria menos assustadora sugere que na verdade Ash está sim envelhecendo, apenas não aparenta. Isso porque, na série, o tempo não passa da mesma forma que no mundo real.

Com base na análise do tempo decorrido em cada episódio, um fã calculou que até hoje é provável que Ash tenha vivido de 800 a 850 dias de jornada desde que pegou seu Pikachu com o Professor Carvalho. Em anos, isso daria um pouco mais de dois anos.

Como Ash começou a jornada com exatamente 10 anos, 10 meses e 10 dias de vida - a informação é oficial e confirmada na novelização do anime -, ele completaria 11 anos poucos dias após o início de sua viagem. Com pouco mais de dois anos decorridos desde o início da aventura, ele estaria atualmente com 13 anos.

Analisando as imagens do desenho e as mudanças de Ash ao longo das temporadas, é possível perceber que ele parece mais esguio e mais alto do que no início da série. Naturalmente, as crianças por volta dos 13 anos passam pela puberdade e apresentam crescimentos repentinos.

Essa teoria também defende porque Ash tem tantos problemas com seus conhecimentos sobre os monstrinhos de bolso. Como é um tema tão corriqueiro no seu dia-a-dia e ele é uma criança ainda tão jovem, não consegue absorver e lembrar de tudo apenas por ter vivido aquilo - assim como as crianças do mundo real e os conhecimentos que elas ganham na escola, por exemplo.

As duas teorias fazem muito sentido, não é? Uma delas tenta criar um cenário um pouco mais assustador que os criadores do desenho provavelmente tentaram passar, mas realmente amarra várias pontas que parecem soltas. A outra, tenta dar razão a algo que parece bem bizarro como o fato de uma criança que não envelhece. Qual delas você prefere?


Próxima Matéria
avatar PH Mota
PH Mota
Jornalista que é um encontro Monty Python e A Praça É Nossa.
Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, Clique aqui.


Matérias selecionadas especialmente para você!

Curta Fatos Desconhecidos no Facebook
Confira nosso canal no Youtube
Siga-nos no
Instagram
Confira nosso Pinterest