• MAIS LIDAS
  • QUIZ
  • VÍDEOS
  • ANUNCIE


Qual a pintura mais cara já vendida?

POR Renata G Pereira    EM Curiosidades      27/09/19 às 16h09

Se você é um apaixonado por arte, ou apenas um curioso sobre o assunto, provavelmente, em algum momento, já deve ter se perguntado qual a pintura mais cara já vendida, até hoje. Se você acha que é a pintura Mona Lisa, de Leonardo da Vinci, está completamente enganado.

Se você pensou que o nome do responsável pela arte era Leoanrdo da Vinci, acertou. Pois se trata mesmo de uma pintura dele. Porém, não é a da famigerada Mona Lisa. Intitulada de Salvator Mundi (Salvador do Mundo, em tradução livre), a obra foi vendida em um leilão por US$450 milhões de dólares, no ano de 2017. O equivalente a R$ 1,7 bilhão de reais. De acordo com a revista Vanity Fair, o comprador foi o príncipe saudita Mohammed bin Farhan al-Saud, um aliado do príncipe herdeiro, Mohammed bin Salman.

A pintura mais cara: Salvator Mundi

Salvator Mundi é uma pintura, que retrata a figura de Jesus Cristo, como o salvador do mundo. A obra foi atribuída como sendo de autoria de Leonardo da Vinci. Uma atribuição feita por estudiosos, quando ela foi redescoberta, em 2005. Mas alguns especialistas em arte contestaram essa atribuição.

O quadro pertence ao período da alta renascença, sendo uma pintura de tinta a óleo, que data de 1490-1950.

A pintura Salvator Mundi seria exposta em uma exposição no Louvre Abu Dhabi, em setembro de 2018. Mas o evento foi cancelado sem explicação. O departamento de cultura do Louvre Abu Dhabi se recusa a responder perguntas sobre o ocorrido.

Entretanto, alguns funcionários, que mantiveram suas identidades anônimas, afirmam que ninguém sabe ao certo sobre o paradeiro da pintura. Aparentemente, a pintura Salvator Mundi está desaparecida.

O Louvre de Paris tinha interesse de que a obra participasse de uma exposição a ser realizada lá, em comemoração aos 500 anos da morte de Leonardo da Vinci. Mas agora, especialistas na obra do pintor estão preocupados com o paradeiro e o futuro da obra de arte perdida.

Há rumores de que a qualidade da pintura seja ruim, e há a possibilidade de que ela possa ser uma farsa. Ademais, outros questionamentos, inclusive, levantam de novo se realmente foi Leonardo da Vinci quem a pintou.

 Salvator Mundi nem sempre custou tão caro

A história, que envolve a pintura de Salvator Mundi, é bem interessante. Inicialmente, acreditava-se que a pintura fosse de Bernandino Luini, um dos alunos de Leonardo da Vinci.

Em 1958, a pintura foi vendida por apenas meros US$ 60 dólares. A possibilidade, de que a pintura fosse um original de Leonardo da Vinci, ganhou força quando dois comerciantes de arte a viram em um leilão, em Nova Orleans, no ano de 2005.

Eles a levaram para a professora Dianne, na Universidade de Nova York. Em 2011, passou por uma intensa restauração. No mesmo ano, a tela integrou uma mostra na National Gallery de Londres. E, em 2013, um bilionário russo, Dmitry E. Rybolovlev comprou a pintura de Salvator Mundi, por US$ 127,5 milhões de dólares. Em 2018, Dmitry a leiloou, recebendo a quantia de US$ 450 milhões de dólares.

De acordo com o combinado, o príncipe saudita teria que pagar a pintura em parcelas.

Próxima Matéria
Via       globo     grunge  
Imagens .look4ward uol
Renata G Pereira
EQUIPE FATOS DESCONHECIDOS, BRASIL
Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, Clique aqui.


Matérias selecionadas especialmente para você

Curta Fatos Desconhecidos no Facebook
Confira nosso canal no Youtube
Siga-nos no
Instagram
Siga Fatos Desconhecidos no Google+