icone menu logo logo-fatos-curiosos.png


Quem são as garotas que esfaquearam a amiga em sacrifício a Slender Man?

POR Natália Pereira    EM Curiosidades      16/11/17 às 17h36
capa do post Quem são as garotas que esfaquearam a amiga em sacrifício a Slender Man?

Mais um crime horrendo choca as pessoas de todo o mundo após ser cometido por menores de idade. Em uma tentativa de impressionar o Slender Man, personagem de uma lenda urbana que circula desde 2009, as jovens Anissa Weier e Morgan Geyser esfaqueiam Payton Leutner 19 vezes. As duas crianças acusadas, ambas com 12 anos, serão julgadas como adultas por tentativa de homicídio devido a brutalidade do crime. A vítima tinha a mesma idade que as acusadas na época do crime.

O crime foi cometido na cidade de Waukesha em Wisconsin, nos EUA, no dia 31 de maio de 2014. A vitima, Payton, era colega de escola de Anissa e Morgan. Mesmo com a brutalidade do crime, ao ser interrogada, Morgan afirma achar estranho não sentir remorso pelo que fez. A intenção das duas garotas, de acordo com a polícia local, era matar a colega para que Slender Man pudesse reconhece-las e no final ambas se juntariam a ele.

Preparativos

(A foto mostra a vítima Payton Leutner a esquerda, na imagem maior, Morgan Geyser no canto superior direito e Anissa Weier no canto inferior direito.)

Um dia antes do crime acontecer, na sexta-feira, Anissa Weier teria convidado a vítima para dormir em sua casa para que comemorassem o aniversário de Morgan Geyser. No outro dia, ainda pela manhã, as garotas teriam saído para passear no parque. O crime, que já havia sido premeditado pelas duas garotas, aconteceria em um banheiro do lugar, por saber que o local tinha um ralo por onde o sangue escoaria.

Depois de esfaquear a Payton 19 vezes, Anissa e morgan teriam fugido a pé por uma estrada na região e pretendiam chegar até a floresta nacional de Nicolet, onde as crianças acreditavam que Slender Man morava. Apesar de estar gravemente ferida, a Payton conseguiu ir até a calçada onde um ciclista a encontrou. As duas garotas foram pegas antes que chegassem à floresta.

Julgamento

Apesar de ter recebido o depoimento de uma psicóloga e um detetive particular, que trabalhava em defesa de uma das jovens, com a intensão de mover o cado para o tribunal juvenil alegando que as garotas eram mentalmente perturbadas, até onde se sabe, o pedido não foi aceito pelo juiz. As jovens receberam uma acusação de homicídio doloso em primeiro grau em um tribunal adulto e estavam sujeitas a enfrentar 65 anos no sistema prisional do estado.

As meninas afirmaram, de acordo com os documentos judiciais, que planejavam a morte de Payton Leutner durante meses. A psicóloga, Deborah Collins, que ouviu uma das garotas acusadas diz que a menina realmente acreditava na existência de Slender Man, assim como em outros personagens como Lord Voldemort que, de acordo com a menina, a visitava.

O detetive testemunhou ter encontrado mais de 60 desenhos do Slender Man no quarto da menina. Alguns deles continham frases como "Não está segura nem mesmo em sua casa", "Ele está aqui sempre" e "Eu amo matar pessoas". O desenho que acompanhava a ultima frase tinha uma garota no chão e uma pessoa em pé sobre ela. Além dos desenhos o detetive diz ter encontrado cerca de meia dúzia de bonecas da Barbie marcadas com o símbolo do Slender Man, algumas com as mãos e os pés decepados.

E aí, o que acharam da história? Vocês concordam com o tratamento dado para as duas meninas ou acham que ambas deveriam ser levadas para o tribunal juvenil? Diga qual a sua opinião pra gente!


Próxima Matéria
Via   Uol     Ig  
avatar Natália Pereira
Natália Pereira
EQUIPE FATOS DESCONHECIDOS, BRASIL
Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, Clique aqui.


Matérias selecionadas especialmente para você!

Curta Fatos Desconhecidos no Facebook
Confira nosso canal no Youtube
Siga-nos no
Instagram
Confira nosso Pinterest