• MAIS LIDAS
  • QUIZ
  • VÍDEOS
  • ANUNCIE


7 segredos que os vendedores nunca vão te contar

POR Ana Luiza Andrade    EM Entretenimento      12/07/17 às 15h27

Como é bom comprar roupas novas. Quase todo mundo gosta. Você se sente renovado, a autoestima fica elevada e você quer fazer daquela nova peça praticamente o seu pijama. Se pudesse usaria toda hora. Não há mal nenhum em agradar a si mesmo de vez em quando. Mas você já parou para pensar que às vezes compramos coisas que nem precisamos? Qual será o motivo desse comportamento humano?

Pois saiba que nem sempre a culpa é nossa. Trabalhamos muito, temos pouco tempo para analisar todo o contexto e quando nos damos conta, já fomos enganados. É que existe toda uma estratégia de vendas para ludibriar e envolver o cliente fazendo com que ele compre quase sem perceber.

Será que isso já aconteceu com você? Descubra alguns dos segredos que os vendedores não contam e nem podem contar, coitados, (porque eles precisam das vendas) e perceba se você já foi manipulado pela indústria da moda.

1 - Descontos

Quem resiste a um desconto? Mesmo quando não estamos precisando de uma roupa ou qualquer outro item, os descontos nos fazem pensar duas ou mais vezes na possibilidade de levar o produto, apenas porque eles estão mais "baratos", e não necessariamente porque precisamos dele.

Essa é uma maneira que o mercado encontrou de se livrar de peças que estão paradas e induzir ao cliente que compre, mesmo sem existir a real necessidade.

Outra ponto negativo é que algumas lojas mal intencionadas sobem exponencialmente os preços pouco antes de um dia de desconto. Assim, os clientes pensarão que estão levando uma peça por muito menos, quando na verdade os preços são ilusórios.

Quem nunca viu um anúncio de descontos prometendo 50, 60 e até 70% de desconto? As lojas fazem isso para que você entre na loja e seja fisgado, mesmo que você não encontre uma peça com essa variação de preço. No máximo você vai encontrar os itens com 10, 15 até 30% de desconto.

Mas os vendedores não podem contar isso a você. Porque eles poderiam perder a venda, claro.

2 - Tamanhos

É comum que nossas peças de roupa não sejam todas do mesmo tamanho. Por exemplo, se você vestir uma calça jeans 40, provavelmente uma calça com um tecido menos elástico terá que ser 42. Isso é normal, e depende do tecido que escolhemos.

O que os vendedores não te contam é que algumas marcas de roupa diminuem artificialmente o tamanho das roupas para que o cliente pense que reduziu de peso. A ilusão pode deixar o comprador tão contente que ele levará o item apenas por esse motivo.

3 - Estilistas

Algumas marcas convidam estilistas renomados para assinarem algumas peças de roupa da loja. Tudo bem até aí. O que os vendedores não podem te contar é que na verdade, alguns estilistas apenas emprestam seus nomes, ao invés de desenharem de fato, as peças.

A ilusão da exclusividade pode fazer com o que cliente compre gato por lebre. Afinal de contas, a qualidade dos itens de vestuário não serão melhores apenas porque um estilista colocou seu nome na roupa. Então fique de olho!

4 - Desorganização

Às vezes levamos um susto quando entramos em algumas lojas que prometem aquele "descontaço": as roupas estão reviradas, as peças não estão separadas por modelo ou estilo. Os vendedores estão correndo de um lado para o outro e parecem não notar o caos.

Pois saiba que essa intenção muitas vezes é proposital. A desordem faz parecer que muitos clientes passaram pela loja e isso só pode significar que as roupas são lindas e os descontos maravilhosos, certo? Nem sempre. A bagunça também faz com que o cliente encontre o seu "tesouro perdido".

Quando ele finalmente encontra um valor que caiba no seu bolso, a impressão que ele tem é como se tivesse ganhado na loteria e isso o induz a comprar a peça com maior facilidade. Doce ilusão da estratégia de vendas. Na maioria das vezes basta chegar em casa para se arrepender da compra.

Afinal, o desconto até que era bom, mas a roupa nem era tão bonita assim.

5 - Produtos químicos

Para a fabricação das roupas, a maioria dos tecidos acabam passando por sessões de produtos químicos e outros agentes. Ninguém na loja te dirá isso, mesmo que a etiqueta te diga que o produto é 100% natural. Algumas pessoas com pele mais sensíveis podem sofrer com irritações de pele e outras doenças. Por isso é necessário sempre lavar a roupa antes de utilizá-la.

6 - Sintéticos

Peças de roupa que utilizam tecidos naturais costumam ser mais caras que as roupas fabricadas com tecido sintético. Como vender as peças mais caras? Essa pode ser outra estratégia utilizada pelas lojas para venderem esses itens.

Neste caso, eles podem aumentam o valor de uma blusa de poliéster por exemplo, fazendo com que a peça de algodão não pareça tão cara, afinal de contas, as duas estão quase o mesmo preço e vale a pena levar a de algodão.

A balança dos preços sobe e abaixa com frequência por causa do estoque, e não devido à qualidade do produto.

7 - Tendência

Se as lojas esperarem pela variação de estações como inverno, verão, outono e inverno, eles não vão vender tanto quanto precisam. O consumismo existe porque as lojas apresentam praticamente todo dia alguma peça nova, exclusiva, que seja tendência ou esteja em alta. Como o cliente não quer ficar no passado ele precisa se atualizar constantemente fazendo assim com que ele compre com muito mais frequência.

Os vendedores não vão poder te contar todos esses segredos e manipulações do mercado, até porque eles também acabam sendo vítimas do próprio sistema. Eles estão cumprindo ordens e não inventando essas regras.

É preciso que nós, os consumidores estejamos atentos a essas táticas de manobra. Devemos sempre nos questionar se precisamos mesmo daquela peça ou se estamos apenas sendo engolidos pelas estratégias sórdidas do consumismo desenfreado.

Agora nós queremos saber: você já comprou gato por lebre? Foi enganado em alguma loja e só percebeu isso quando chegou em casa? Você já comprou alguma peça só porque ela está com desconto e depois se arrependeu? Não esqueça de deixar a sua opinião contando as suas experiências com vendedores e as lojas.

Próxima Matéria
Ana Luiza Andrade
EQUIPE FATOS DESCONHECIDOS, BRASIL
As categorias Terror, Sobrenatural, CreppyPasta e entretenimento têm como único objetivo de entreter. Não devem ser utilizadas como fontes de artigos científicos ou trabalhos escolares.
Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, Clique aqui.


Matérias selecionadas especialmente para você

Curta Fatos Desconhecidos no Facebook
Confira nosso canal no Youtube
Siga-nos no
Instagram
Siga Fatos Desconhecidos no Google+