• MAIS LIDAS
  • QUIZ
  • VÍDEOS
  • ANUNCIE


Um novo estudo mostrou alternativa bizarra para tratar sintomas da depressão

POR Maria Ritha Paixão    EM Mundo Animal      23/04/19 às 19h49

A depressão é de fato comprovada como o mal do século. A corrida da ciência tem sido desvendar alternativas para tratar a depressão e fazer da vida de pessoas que enfrentam a doença uma jornada com um caminho mais leve. Para melhorar o quadro, medidas bizarras têm surgido e com resultados eficazes.

Mas, se prepare. Pois a maneira mais impensável de combater os processos químicos da doença tem sido uma boa opção. A intervenção de remédios é a busca para equilibrar as quedas de neurotransmissores. Cientistas encontraram uma maneira bem curiosa para tratar as famosas baixas.

Anfíbios liberam uma espécie de secreção láctea. Assim, os estudos mostraram que fumar o líquido excretado pelo sapo pode ajudar na depressão. O composto 5-MeO-DMT presente nessa secreção possui triptamina psicodélica e é capaz de alterar a mente. Para o uso, é necessário que o líquido seque antes de ser inalado.

Os efeitos provocados

O efeito psicodélico é rápido, mas traz experiências intensas. Acessos místicos e a elevação do ego é um dos resultados desse processo. O método tem sido usado por terapeutas psicodélicos para o tratamento dos transtornos emocionais.

Antes de anunciarem a eficácia do tratamento, teste foram feitos em 42 pacientes. 18% da taxa da depressão teve uma queda, não durante a inalação, mas depois de usada. Não só as medidas maléficas da depressão tiveram diminuição, mas sintomas como ansiedade e estresse apresentaram baixas consideráveis.

O mundo animal guarda segredos e curas ainda em estado bruto. Seria necessário muitos e muitos anos para o ser humano esgotar essa fonte de pesquisa. Quem poderia imaginar que o líquido soltado pelo sapo em momentos de defesa fosse tão eficaz para melhorar sintomas como esse.

Se 18% é um resultado para comemorar, semanas depois de observação pós inalação, a queda subiu para 68%. A ansiedade desceu para 58% e o estresse ficou em 48%. É, ou não é para comemorar? Imagine só a cura para a depressão a caminho?

Mas, não é tão fácil assim. Há muitos tabus gerados ao redor do método psicodélico. A eficácia é comprovada, o aumento da neurogênese é visível durante o processo. Tudo isso é pode ser a salvação de várias doenças neuropsiquiátricas.

Preocupação animal

A maior aflição é relacionada à exploração do sapo. Acredita-se que o uso do leite do anfíbio será abusivo e os animais serão prejudicados no processo. Medidas contra essas possibilidade já estão a caminho. O composto químico está sendo estudado e uma possível imitação do processo químico pode ser feito em laboratório.

Psioterapia Psicodélica

Alucinógenos têm sido melhor estudados por pesquisadores. A perseguição pelas drogas pode ter um fim se for voltada para processos terapêuticos. É muito possível que as substâncias ajudem em doenças como depressão, ansiedade, vícios e obsessões.

Para usar o métodos é necessário um guia e ambientes preparados para aplicar as drogas a favor da saúde. As perspectivas são animadoras, mas não sabemos até que ponto um dia tudo isso será legalizado e usado sem preceitos a favor da ciência.

Cogumelos, LSDs e afins foram altamente utilizados durante o século 20. O próprio pesquisador dos alucinógenos se submeteu às 'viagens' psicodélicas e a partir daí se interessou em aprofundar os estudos.

Próxima Matéria
Maria Ritha Paixão
EQUIPE FATOS DESCONHECIDOS, BRASIL
Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, Clique aqui.


Matérias selecionadas especialmente para você

Curta Fatos Desconhecidos no Facebook
Confira nosso canal no Youtube
Siga-nos no
Instagram
Siga Fatos Desconhecidos no Google+