• MAIS LIDAS
  • QUIZ
  • VÍDEOS
  • ANUNCIE


Vídeo incrível mostra foguete russo sendo atingido por um raio ao decolar

POR Bruno Dias    EM Curiosidades      29/05/19 às 17h46

Viajar para o espaço e ver o nosso planeta lá de cima é o sonho de muitos. A profissão de astronauta é bastante citada por crianças, mas tem lá suas dificuldades e não são poucas. E alguns adultos até tentam ir para o espaço ou esperam a possibilidade de um dia conseguirem comprar um bilhete em algum ônibus espacial. Mas é preciso todo um treinamento físico e psicológico para poder embarcar. É possível fazer essas viagens através de foguetes e existem diversos registros de sucesso nesse meio.

Mas para que os casos de sucesso acontecessem, alguns já deram errado. O foguete é uma máquina que se desloca deixando atrás de si um fluxo de gás em uma alta velocidade. Geralmente, o objetivo desses foguetes é enviar objetos ou naves espaciais e homens ao espaço.

A origem do foguete, provavelmente, é oriental. Em 1232, foi o ano em que a primeira notícia do uso foi dada na China. No país, foi inventada a pólvora, que foi usada primeiro em fogos de artifício como entretenimento e depois usada para uso bélico.

Alguns relatos existem no século XIII de foguetes chamados de flechas de fogo voadoras que foram usados na defesa da capital da província chinesa de Henan. Por causa de várias invasões mongólicas na fronteira ocidental do Império Chinês.

Desde essa época, muitos outros foram usados e construídos por várias pessoas das mais variadas formas. O que, infelizmente, os grandes avanços tecnológicos não puderam prevenir são os desastres que acontecem com os foguetes em seus lançamentos ou em algum momento da viagem.

Incidente

No dia 27 de maio, o foguete russo Soyuz foi lançado e foi atingido por um raio. Felizmente, esse raio não atrapalhou a viagem do foguete ao espaço, mas com certeza assustou várias pessoas.
A agência espacial russa, Roscosmos, anunciou em um comunicado, depois do acontecido, que o foguete conseguiu atingir a órbita com sucesso.

O evento com o foguete aconteceu durante o lançamento do satélite de navegação Glonass-M, aproximadamente 800 quilômetros do norte de Moscou. Para que ele fosse lançado em órbita, a Roscosmos usou um impulsionador Soyuz 2.1b. Ele é o último de uma série de satélites utilizados como apoio para os clientes militares e civis da Rússia.

"O raio não é um obstáculo para você!", brincou o diretor-geral da Roscosmos, Dmitry Rogozin em seu Twitter. Ele também parabenizou a equipe pelo lançamento do Glonass-M. Além de compartilhar o vídeo do incidente.

Raridade

Esse tipo de acontecimento, de um raio atrapalhar o lançamento de um foguete, é raro. Mas ele não foi o único. Já houve incidentes parecidos no passado.

Um exemplo aconteceu em novembro de 1969, quando um raio atingiu o foguete Saturno V duas vezes durante o lançamento da missão Apollo 12. Essa missão da NASA tinha uma tripulação com três homens.

Por causa desse choque alguns displays do Saturno V foram interrompidos, mas mesmo assim o foguete conseguiu atingir órbita com sucesso.

Depois de fazerem uma revisão bastante cuidadosa dos sistemas, os controladores de voo viram que eles estavam em boas condições e a missão para pousar na lua continuou como tinha sido planejada.

Próxima Matéria
Via   Hypescience  
Bruno Dias
EQUIPE FATOS DESCONHECIDOS, BRASIL
Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, Clique aqui.


Matérias selecionadas especialmente para você

Curta Fatos Desconhecidos no Facebook
Confira nosso canal no Youtube
Siga-nos no
Instagram
Siga Fatos Desconhecidos no Google+