• MAIS LIDAS
  • QUIZ
  • VÍDEOS
  • ANUNCIE


Warner Bros. e DC Comics podem ser vendidas separadamente

POR Gabi Noronha    EM Notícias      28/02/18 às 13h53

A AT&T é uma companhia de telecomunicações gigantesca, fornecendo serviços de vídeo, dados, voz e internet para agências privadas e governamentais. Da mesma forma, a Time Warner é uma aglomeração de meios de comunicação, sendo dona de diversas outras empresas na área, como estação de rádio, sites, canais de televisão, revistas e estúdio de cinema. No fim de 2016, a multinacional americana AT&T tentou comprar a Time Warner por US$ 85.4 bilhões de dólares. Porém, há algum tempo, a política dos Estados Unidos em relação a fusões desse porte é rigorosa. O objetivo do governo é evitar o monopólio empresarial em qualquer área. Dessa forma, a compra foi barrada pelas autoridades.

Mesmo com a posição negativa do Departamento de Justiça, as duas empresas tentam encontrar uma solução legal para alcançar o objetivo. De acordo com o site The Wrap, caso a fusão realmente não saia do lugar, a Time Warner pode ser fracionada e vendida em partes. Isso significa que a Warner Bros., assim como a parte da DC Films, estarão abertas a negociações independente do resto da companhia. A lista também inclui a HBO, rede de televisão por assinatura. Segundo informações, na mesma época em que a AT&T propôs a compra, a Apple Inc. seria outra empresa interessada na aquisição da Time Warner. Dessa forma, se especula se o interesse da maçã voltará.

Futuro em aberto

No que diz respeito a Warner Bros., o estúdio está balanceado, isto é, ao mesmo tempo que tem sucesso, também tem quedas. No ano de 2017, a empresa conseguiu passar dos US$ 5 bilhões de dólares em bilheteria. Uma excelente marca. No entanto, na área que cabe às adaptações da DC Comics, as coisas não andam tão bem assim. O plano do universo entendido dos super-heróis tem apresentado trabalhos que deixam a desejar. Em cinco anos, foram cinco filmes lançados e apenas um de sucesso unânime. Com a estreia de Liga da Justiça, vários boatos envolvendo desde problemas com produção a Zack Snyder, vieram à tona.

Tantas acusações ganhou destaque na mídia do entretenimento e várias críticas foram direcionadas ao estúdio. Isso obrigou a Warner Bros. a começar a organizar melhor sua casa. Assim, recentemente, a empresa anunciou a promoção de Walter Hamada como supervisor da divisão dos filmes de heróis. Agora, ele trabalha ao lado de Geoff Johns, presidente e diretor criativo da DC Entertainment. Tempo depois, Chantal Nong foi anunciada como vice-presidente da DC Films. A Warner também chegou a comunicar o afastamento de Joss Whedon da produção de Batgirl. Ela aproveitou para informar que tal spinoff não está nas prioridades do estúdio. No momento, eles pretendem focar mais na Trindade da DC Comics.

Por enquanto, não ocorrei nenhum pronunciamento oficial. Sendo assim, o cenário continua incerto. A Time Warner pode ser dividida, assim como pode continuar como está por mais tempo. Seja como for, o que os fãs realmente desejam é mais compromisso por parte da empresa ao realizar as adaptações da DC Comics. Comente com a gente o que você acha sobre toda essa situação!

Próxima Matéria
Via   WIKI     BN     SR     NR  
Imagens Youtube ODC
Gabi Noronha
Resumindo, é basicamente isso! Mais aventuras em Instagram: @gabinoronhaf
Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, Clique aqui.


Matérias selecionadas especialmente para você

Curta Fatos Desconhecidos no Facebook
Confira nosso canal no Youtube
Siga-nos no
Instagram
Siga Fatos Desconhecidos no Google+